COPA AMÉRICA 2024: ARGENTINA MOSTRA VULNERABILIDADES, MAS ESTREIA COM VITÓRIA SOBRE O CANADÁ

Foto: Reprodução Internet

Foto: Reprodução Internet

A campeã do mundo fez sua estreia na Copa América com uma atuação de mediana para boa em Atlanta, nos Estados Unidos. Com gols de Julian Alvarez e Lautaro Martínez, a Argentina venceu o Canadá por 2 a 0 e começou a competição com três pontos, mas deixou um gostinho de que poderia ter feito bem mais e ter sofrido menos.

Franco-atirador em um grupo que tem Argentina, Peru e Chile, o Canadá fez uma partida muito digna, e chegou a ser melhor que a atual campeã do mundo em alguns bons minutos de jogo. Os canadenses assustaram os argentinos com boas chegadas pelas laterais e colocaram Dibu Martínez para trabalhar em certos lances. Na etapa final, apesar de sofrer um gol logo no início, seguiu o plano de jogo e não se abateu para buscar o empate. E a melhor chance ficou por centímetros de aparecer, quando um possível lance de pênalti foi checado, mas com a infração tendo ocorrido fora da área.

Por outro lado, a Argentina não fez uma grande partida. Talvez por uma certa ausência de ritmo de jogo ou por relaxamento, o time argentino ficou boa parte do jogo correndo atrás do ataque canadense, e quando chegava ao ataque, a displicência dava as caras. Foram ao menos três grandes chances perdidas por preciosismo - duas delas de Lionel Messi.

Quando a seleção canadense cansou de impor um ritmo forte no ataque, a Argentina finalmente fez valer sua superioridade técnica e decretou o resultado final. Com assistência de Messi, Lautaro Martínez fez o segundo gol aos 43 da etapa final, e acabou com qualquer chance de uma possível reação do Canadá.

Apesar da vitória, a Argentina deixa um gosto de que poderia ter tido um atuação bem melhor do que teve frente a seleção canadense. Na próxima rodada, contra o Chile, o sarrafo do adversário será bem mais alto, logo, o desempenho necessariamente precisa ser bem superior ao desta quinta, principalmente de suas estrelas.